Terminou a faculdade e não trabalha na área? Saiba o que fazer

out 3, 2012 by     No Comments    Posted under: Notícias

“Nesse caso, a melhor maneira é aprender a explorar suas habilidades e competências”, diz consultor

O estágio continua sendo a melhor maneira de ingresar em sua área de atuação. No entanto, muitas vezes, o curso superior chega ao fim e a experiência na área de formação nem começou. E ai, o que fazer?
“Nesse caso, a melhor maneira é aprender a explorar suas habilidades e competências”, diz o consultor da Cia. De Talento, Felipe Bruno Gagliardi. Segundo ele a grande dificuldade para quem terminou o curso superior e não teve nenhuma experiência profissional na área é conseguir expor seu potencial profissional sem nunca ter atuado naquela função.

Não tive experiência na minha área de formação como posso falar dessas competências?
O profissional deve conseguir ressaltar a experiência profissional que já possui e abordar outros aspectos que também são importantes, como trabalho em equipe e projetos desenvolvidos na universidade.
“Para os alunos que estão em fase de inserção no mercado, as empresas não exigem experiência anterior, não é pré-requisito”, diz Gagliardi. O profissional deve levar para o mercado fatores que mostrem que tem competência profissional, mesmo sem ter tido experiência profissional naquela área.
O lado competente pode ser reforçado contando o que fez na vida acadêmica, no trabalho de conclusão de curso e em atividades desenvolvidas no diretório acadêmico da faculdade e até em sua vida pessoal.
“Conseguimos avaliar competências que não são necessariamente aquelas observadas no meio profissional, podem ser estratégias feitas nas relações pessoais, que também são bem vistas no mercado”.

Alternativas
Ao perceber que está chegando ao final do curso ou se formou e não atuou ainda na área, uma dica é procurar os processos de trainee, que podem dar experiência e servir como porta de entrada em sua área de atuação.
Fazer um exercício de autoconhecimento para poder saber lidar bem com todos os tipos de perguntas que surgirem nas entrevistas de emprego é essencial, finaliza Gagliard

Fonte: administradores.com.br

Deixe uma resposta

Newsletter

E-mail:

Inscrever
Desinscrever

Publicidade