Rede São Camilo adota nova marca em comemoração aos 90 anos da entidade no País

abr 24, 2012 by     No Comments    Posted under: Notícias

A Rede São Camilo está adotando uma nova logomarca unificada, em comemoração aos 90 anos da chegada dos primeiros camilianos ao país (1922-2012). A nova marca nasceu da necessidade de modernização e, principalmente, da unificação de todas as áreas de atuação das entidades camilianas, por meio de um símbolo único. O objetivo primordial foi tornar as entidades reconhecidas, por meio de uma mesma identidade visual.

Atualmente, a Rede São Camilo é composta por 11 entidades filantrópico-comunitárias que, juntas, administram 52 hospitais próprios e públicos, presentes nas regiões sul-sudeste, norte-nordeste e centro- sudeste, que prestam serviços especializados em educação e saúde e realizam programas de ações sociais e humanização. As entidades camilianas mantêm, hoje, no Brasil, 4.214 leitos, 18.011 colaboradores, 12.547 médicos; realizam 135.264 cirurgias e 47.736 partos por ano. As entidades não visam ao lucro, e o resultado atingido é sempre revertido para a melhoria da qualidade dos serviços, com investimentos em infraestrutura, aperfeiçoamento profissional e melhoria da qualidade de atendimento.

Os hospitais camilianos são as únicas instituições de saúde presentes em mais de 80% dos municípios onde estão sediados e atendem basicamente pelo SUS. “Isso significa que se não tivessem sido instalados ou assumidos, parcela significativa da população dessas localidades, em especial as mais vulneráveis, teriam suas vidas com maior risco de enfermidades e até mesmo mortes. Há, também, o fato de que, se as entidades camilianas não tivessem assumido a administração dos hospitais do Estado, esses não teriam mais condições de se manterem abertos”, explica o Prof. Dr. Pe. Léo Pessini, Presidente das Entidades Camilianas Brasileiras, que enfatiza: “Podemos afirmar que as entidades camilianas da área da saúde desempenham uma atividade sobremaneira importante e muito expressiva. Se fossem, nisso, imitadas por outras instituições, a saúde do povo brasileiro seria, sem dúvida, de fato universalizada, igualitária e de muito boa qualidade”, declara Pessini.

A área hospitalar realiza programas de Ações Sociais, Humanização e Meio Ambiente, entre os quais estão as Feiras e a Carreta da Saúde, Reciclagem, Doação de Mudas (entregues para cada família de crianças que nascem no hospital), Palhaços da Alegria, Acolhimento aos Familiares Enlutados, Amamentação e Parto, Projeto Mãe Canguru e Teste do Pezinho, Terapia Ocupacional e Natal no Leito. Outra atividade que permeia todos os hospitais camilianos são as ações de espiritualidade realizadas pela Pastoral da Saúde com o intuito de promover, recuperar, defender e cultivar os valores da vida.

Na esfera educacional, a Rede São Camilo oferece mais de 2.500 bolsas de estudos e promove atividades em oito Estados da Federação, ministrando cursos desde a educação básica até a pós-graduação, lato e stricto sensu, com Pós-Doutorado, Doutorado e Mestrado em Bioética; Mestrado em Enfermagem e Mestrado em Nutrição. Entre os principais diferenciais da área educacional, destacam-se: reconhecimento do mercado de trabalho, corpo docente qualificado, laboratórios modernos, formação técnico-científica, humanista e ética, projetos pedagógicos diferenciados, estágios garantidos e supervisionados.

No âmbito social, em parceria com o Estado, também são realizadas inúmeras ações, em prol das pessoas em vulnerabilidade social, em 36 equipamentos sociais (Centros de Educação Infantil, Casas de Repouso, Centros de Acolhida para adultos, Centros para Crianças e Adolescentes, Abrigos). A Rede também promove atividades de humanização e assistenciais, nos Recantos São Camilo, localizados em Jaçanã e Cotia, ambos em São Paulo.

De acordo com Pessini, as ações sociais e de humanização da Rede São Camilo são a expressão de sua responsabilidade social. “Temos um claro objetivo de evangelização a partir dos valores camilianos, razão de nossa existência na área da saúde. Acreditamos na construção de um mundo melhor, uma sociedade mais justa e solidária, onde os mais vulneráveis tenham um lugar ao sol”, declara.

Sobre a Rede São Camilo
Mantida pela Província Camiliana Brasileira, fundada em 1922, pelos padres Inocente Radrizzani e Eugênio Dalla Giacoma, é referência na gestão de hospitais e na educação superior em saúde no país. No Brasil, os camilianos atuam nas dimensões: Assistência à Saúde (hospitais); Educação à Saúde (centros universitários); Assistência Social (equipamentos sociais); Religiosa (pastoral da saúde, capelanias, paróquias e seminários), e Missionária. A Província Camiliana Brasileira, com o Governo Geral da Ordem do Ministro dos Enfermos, está sediada em Roma e presente em 35 países nos cinco continentes. A Ordem foi criada em 1614, pelo precursor São Camilo de Lellis.

Deixe uma resposta

Newsletter

E-mail:

Inscrever
Desinscrever

Publicidade

Threesome
Creampie
Blowjob
Threesome
Orgy
Threesome
Threesome
Anal
Blowjob
Orgy