Unoeste lança projeto de inclusão

jul 6, 2011 by     No Comments    Posted under: Ações

“Com a legenda fica mais fácil compreender a história”. A fala é da pequena Isabela Pires de Souza, 9 anos, que tem deficiência auditiva, após assistir ao vídeo “A menina que não tinha medo de nada”. A animação foi produzida por acadêmicos da Faculdade de Informática de Presidente Prudente (Fipp) da Unoeste, que integram o projeto “Tecnologia e Literatura Infantil: Sinergia para Inclusão de Pessoa com Necessidade Especial (PNE)”. A proposta foi lançada oficialmente na tarde desta quarta-feira (29) na Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Dr. João Franco de Godoy.

Estiveram presentes representantes da Unoeste, Secretaria Municipal de Educação (Seduc) e escola. Mais de 80 CDs, com diversas obras da literatura infantil, foram doados e serão utilizados nas salas de recursos multifuncionais, voltadas para alunos que apresentam necessidades especiais. “O material é excelente. Apresenta áudio, legenda e interpretação em libras, o que facilita a atuação em sala de aula, desde a alfabetização até o Ensino Fundamental. Além disso, o trabalho pode ser realizado com PNEs ou não”, afirma a orientadora pedagógica da Emef, Carmen Enizaide Godoi.

Para a coordenadora da Seduc, Jussara Oliveira Miralha, esta é mais uma forma de aproximar os pequenos do mundo da leitura. “Como consequência, a comunidade também é beneficiada, já que os alunos levam o aprendizado para seus familiares. Vale ressaltar que estes vídeos foram produzidos a partir de livros que já faziam parte do acervo da escola, o que desperta ainda mais o interesse dos estudantes”. Ela adianta que a Seduc elabora uma forma de distribuir este material para outras escolas.

O acadêmico Carlos Augusto Sitolino, do 5º terno de Sistemas de Informação, participou da elaboração do vídeo “O Gato de Botas”, sendo o responsável pela produção do texto, animação, imagem e áudio da história. “Enriqueço minha formação ao mesmo tempo em que colaboro para a educação dessas crianças. É gratificante”. Todo o material foi produzido por alunos do 1º termo desta graduação.

Além de ser um projeto de Extensão da Universidade, a proposta faz parte das atividades realizadas na disciplina de Português Técnico, ministrada pela docente Édima de Souza Mattos. “É interessante ver que os acadêmicos releram obras que fizeram parte de sua infância. Esta é uma forma de utilizar a tecnologia como forma de incentivo à leitura, tendo como foco, a inclusão e a cidadania”.

A interpretação em libras que aparece nos vídeos foi realizada pela docente da Faculdade de Ciências, Letras e Educação (Faclepp) da Unoeste, Perla Cristina Roel de Oliveira, que também atua na Associação Lúmen Et Fides de Presidente Prudente.

Prêmio – Esta é uma nova proposta do projeto “Informática e Literatura: Encontros e Diálogos” da Unoeste que conquistou a 3ª colocação no Prêmio Cidadania Sem Fronteiras, promovido pelo Instituto da Cidadania Brasil e pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, na categoria Educação.

Fonte: unoeste.br

Got anything to say? Go ahead and leave a comment!

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Newsletter

E-mail:

Inscrever
Desinscrever

Publicidade