Pesquisa analisa a reputação das IES

mai 30, 2011 by     No Comments    Posted under: Destaque, Gestão Educacional, Notícias, Redes Sociais

Uma pesquisa realizada pela Cadsoft, empresa especializada em soluções em gestão para instituições de ensino, avaliou e analisou durante 11 meses a reputação de instituições particulares de ensino superior nas redes sociais.

Das 2.069 Instituições de Ensino Superior Particulares do Brasil, 420 têm presença online em pelo menos uma rede social, com ou sem objetivo institucional planejado ou definido. Foram monitoradas 79 instituições aleatoriamente em seis Mídias Sociais: Facebook, Twitter, Orkut, Reclame Aqui, Portais de Notícias e Blogs.

Segundo o estudo, as instituições da região Sudeste são as mais citadas (77,4%), seguidas por aquelas da região Nordeste (11,4%). Depois, aparecem as regiões Sul (4,9%), Centro-Oeste (3,51%) e Norte (2,8%).

Do ponto de vista de relevância, o Twitter é campeão com 59%, em seguida aparecem o Facebook com 25%, Blogs com 9% e sites de notícias com 7%. Reclame Aqui e Orkut não pontuaram. A relevância da informação oferece aos gestores condições de planejamento de mídia, por exemplo.

A pesquisa foi realizada por meio da solução Planeta Y que monitora e trata as informações coletadas nas redes. A higienização das informações descarta dados irrelevantes e classifica as citações como positivas, neutras ou negativas em relação a dez indicadores relevantes ao mercado educacional: Preço, Infra estrutura, Corpo Docente, Qualidade de Ensino, dentre outras.

Sob esta metodologia, 48% das informações coletadas foram descartadas, 45% foram classificadas como neutras e 3,4% como positivas e 3% como negativas. O Twitter é a ferramenta em que há menos descarte, enquanto o Facebook e os sites de notícias são os campões. Já o Orkut, apesar da grande base de usuários, tem baixa relevância. Finalmente, as citações acontecem com mais intensidade se segunda à sexta-feira.

Segundo o presidente da Cadsoft, Glauson Mendes, as instituições de ensino em breve estarão maciçamente nas mídias sociais, seja para relacionamento e como fonte de informação para melhorar serviços educacionais, seja para fins acadêmicos.

“Os dados permitem que as instituições tenham parâmetros comparativos de seu posicionamento no mercado. Dessa forma, uma Instituição com mais de 3% de citações negativas sabe que está acima da média do mercado brasileiro e que precisa atuar de forma a reduzir o seu percentual”, explica Mendes.

O conteúdo completo da pesquisa: “A Reputação das Instituições de Ensino Superior Privadas nas Mídias Sociais Sob a Perspectiva da Geração Y” pode ser acessada em www.cadsoft.com.br. Em sua segunda fase o estudo vai realizar cortes regionais como forma de aprofundar questões de renda e classe social.

Fonte: Dionísio Comunicação
Por: Débora Toledo

Deixe uma resposta

Newsletter

E-mail:

Inscrever
Desinscrever

Publicidade

Threesome
Creampie
Blowjob
Threesome
Orgy
Threesome
Threesome
Anal
Blowjob
Orgy